Translate

domingo, 12 de outubro de 2014

Solidão



Por onde andam meus pensamentos;
Por que não ouvem os meus lamentos;
Por quanto tempo vou me apegar;
Por quantas vezes vou ainda chorar;
Porque me provoco quando estou quieto;
Porque eu duvido de quando eu estou certo;
Por quanto tempo vou esperar;
Não tenho tempo de mais lamentar;
Vou viver minha vida sem me importar;
E quando eu chegar lá;
Tenho certeza que vou me lembrar;
De que, as certezas nunca vou encontrar;
De que, meus lamentos não vão escutar;
De que, por minhas vontades é que vou lutar;
E de que, não tenho ninguém para me acompanhar....