Translate

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Eu não Tenho Fim

Me dou até não sobrar nada; 
O que fazem com minhas partes eu não sei; 
Mas por vocês a minha vida despedacei; 
De mim só resta o resto; 

Minha mente e meu coração eu empresto; 
Mas sou apenas meu; 
O que empresto por instantes pode ser seu; 
E o resto que resta de mim ainda não morreu; 

Me junto aos farrapos; 
Vaso quebrado aos cacos; 
De mim não sobrou muita coisa; 
Fui sempre quem quiseram que eu fosse; 

Da morte, roubei sua foice; 
Pensamentos tão fortes, feito um coice; 
Eu não me dei, foi você quem me trouxe; 
E o que levou de mim, espero tenha guardado em um forte; 

Na carne a navalha deu um corte; 
O que levou de mim foi minha sorte; 
Meu resto se sustenta; 
E como uma phoenix, ressurge da morte; 

Nunca vão ver meu fim; 
Pois, me levam aos pedaços; 
E ainda sobrou muito de mim; 
Mas o que fazem com minhas partes eu não sei..... 

... Eu não tenho fim.